Eleições 2020: confira o plano de governo dos candidatos à prefeitura de São Luís

Eleições 2020: confira o plano de governo dos candidatos à prefeitura de São Luís

O G1 resume os principais pontos das propostas de governo dos 11 candidatos à prefeitura de São Luís nas eleições 2020. Veja abaixo, por ordem alfabética, os planos:

Bira do Pindaré (PSB)

Resumo: Em seu plano de governo chamado de ‘São Luís mais humana, bela e justa’, Bira do Pindaré estabelece 40 compromissos em algumas áreas como saúde, educação, trabalho, renda, mobilidade urbana, cultura, esporte, direitos humanos e diversidade. O candidato defende uma gestão democrática transparente, moderna e pretende combater as desigualdades, além de consolidar a participação popular como método de governo.

Entre algumas de suas propostas estão a ampliação de consultas diárias nas Unidades Básicas de Saúde (UBS), a implantação de um projeto de renda mínima municipal, a expansão da oferta de educação integral na rede municipal de ensino. Ele planeja ainda, caso seja eleito, erradicar o analfabetismo em São Luís.

Carlos Madeira (Solidariedade)

Resumo: Em seu plano de governo, Carlos Madeira estabelece propostas que estão divididas em 10 pontos e abrangem algumas áreas como saúde, educação, cultura, turismo, gestão e governança, meio ambiente e saneamento. Entre as promessas, está a descentralização e atuação geográfica do pode público municipal e a definição, em conjunto com os demais municípios da Grande Ilha, de um Plano Diretor municipal.

O candidato também propõe a criação de escolas e creches em tempo integral, a transformação da Guarda Municipal em Polícia Municipal, a valorização da cultura maranhense e a criação de um programa municipal de habitação popular. Ele também defende a modernização do sistema de transporte público da capital.

Duarte Júnior (Republicanos)

Resumo: Em seu plano de governo, Duarte Júnior defende que São Luís merece mais atitude, foco, objetivo, estratégia, tática e execução. O candidato divide suas propostas para o município em 10 áreas, chamadas de ‘bandeiras’, tais como saúde, geração de emprego, renda, educação, esporte e lazer, transporte, mobilidade urbana, cultura e turismo.

Entre algumas de suas propostas, está a criação de uma Força Municipal de Saúde e serviços de atendimento para pacientes na pós-Covid-19, a expansão de faixas exclusivas de ônibus, a criação de um programa de garantia de renda mínima às pessoas em situação de extrema pobreza. O candidato ainda defende a criação de um núcleo de coordenação e monitoramento das metas da Prefeitura de São Luís.

Eduardo Braide (Podemos)

Resumo: Em seu projeto de governo, Eduardo Braide afirma que pretende transformar São Luís, caso seja eleito, em uma cidade humana, participativa, inteligente e sustentável. Suas propostas foram pontuadas em 19 eixos de trabalho em áreas como saúde, educação, cultura e turismo, mobilidade urbana, proteção animal, geração de emprego, renda e transporte público.

Entre suas propostas, está a criação de um Centro de Referência em Saúde, a construção de creches em tempo integral, a criação da Agência de Desenvolvimento Econômico e Social na capital. O candidato também defende a patrulha em terminais de integração e propõe a criação de um Parque Tecnológico de São Luís, com foco no investimento e incentivo ao desenvolvimento de softwares, aplicativos, startups, oportunizando a geração de emprego, renda, além de trazer soluções criativas e inovadores ao município.

Franklin Douglas (PSOL)

Resumo: Em seu projeto de governo denominado ‘São Luís pra Maioria’, Franklin Douglas afirma que o desafio das eleições municipais deste ano é nacionalizar o debate, sem perder o elo com os problemas locais. As propostas, foram divididas em 21 pontos que abrangem áreas como educação, transporte, saúde, cultura, turismo, meio ambiente, saneamento, direitos humanos, proteção animal e segurança.

Entre algumas das propostas, está a criação de um plano emergencial de empregos, a instituição de um plano de enfrentamento à pandemia de Covid-19, a reforma imediata das escolas municipais e a criação de um projeto de lei instituindo o passe livre aos estudantes. O candidato defende a transparência na gestão, o combate à corrupção, a participação popular e um serviço público gratuito e de qualidade.

Hertz Dias (PSTU)

Resumo: Em seu plano de governo, Hertz Dias afirma que tem como objetivo combater a desigualdade social e garantir que a maioria da população possa ocupar e se apropriar da cidade, para ter uma vida mais digna. As propostas estão divididas nas áreas de saúde, educação, desenvolvimento econômico e social, habitação, planejamento urbano, esporte e lazer, política fiscal e orçamento.

Entre as principais ações, caso seja eleito, está a realização de investimentos em serviços públicos, a ampliação do horário de atendimento das Unidades Básicas de Saúde (UBS), a garantia de vagas para todas as crianças e adolescentes em creches e escolas municipais, a eliminação de moradias inadequadas em São Luís e a regularização dos loteamentos clandestinos. O candidato também defende a redução do preço da passagem do transporte público.

Jeisael Marx (REDE)

Resumo: Em seu plano de governo, Jeisael Marx afirma que as ações tomadas na prefeitura, caso seja eleito, serão pautadas na descentralização do poder, sustentabilidade e participação cidadã de forma efetiva e autônoma. As propostas consideradas prioritárias, estão divididas nas áreas da educação, saúde, mobilidade urbana, qualidade do ar, meio ambiente, assistência social, cultura, turismo e esporte e geração de emprego em renda.

Entre as algumas das propostas, está informatização do sistema de marcação de consultas em hospitais municipais por meio de um aplicativo, organização do tráfego em avenidas e ruas, investimentos em setores do meio ambiente, como a promoção da preservação de rios e a melhora da coleta seletiva de lixo, sinalização moderna do trânsito e ampliação da Guarda Municipal. Ele também pretende qualificar e treinar mão de obra para atuar em diversos setores da capital.

Neto Evangelista (DEM)

O plano de governo do candidato ainda não está disponível na Justiça Eleitoral.

Rubens Pereira Jr. (PCdoB)

Resumo: Em seu plano de governo, Rubens Pereira Jr. propõe quatro eixos prioritários para a cidade que são a superação da pobreza, desenvolvimento sustentável, valorização da primeira infância e inovação. As propostas do candidato, estão divididas em algumas áreas tais como saúde, desenvolvimento econômico, trabalho, renda, educação, direitos humanos, mobilidade, infraestrutura, meio ambiente, cultura, turismo, inovação e futuro.

Entre algumas das propostas, está a criação de um Fundo Municipal de Empregos, a diversificação das ferramentas para marcação de consultas, a reforma e construção de novas escolas municipais e a ampliação das mobilidades do Bilhete Único em São Luís. Ele também defende a revisão do contrato de concessão das linhas de ônibus e pretende criar uma agenda de desenvolvimento com oportunidade para todos.

Silvio Antônio (PRTB)

Resumo: Em seu plano de governo, Silvio Antônio pontuou suas propostas para a cidade em 12 pontos nas mais diversas áreas como saúde, educação, gestão pública, infraestrutura, agricultura, segurança e turismo. O candidato defende o combate à corrupção e afirma que pretende fazer uma gestão participativa.

Entre algumas de suas propostas, está a descentralização da gestão pública, a ampliação de creches e escolas da rede municipal, a criação de uma ouvidoria da Saúde, a revitalização de prédios abandonados e que são de responsabilidade do município, realização de concurso público para a Guarda Municipal. Ele afirma que, caso seja eleito, deve priorizar a mobilidade urbana e oferecer mais conforto aos usuários de transporte público.

Yglésio Moyses (PROS)

Resumo: Em seu plano de governo, Yglésio Moyses estabelece propostas para capital em oito eixos e que abrangem áreas como saúde, mobilidade urbana, cultura, meio ambiente e educação. No documento, o candidato afirma que pretende aumentar os investimentos em políticas públicas e estabelecer um planejamento eficaz para a capital, principalmente pós o cenário da Covid-19.

Entre suas propostas, está a consolidação do planejamento urbano, ampliação e qualificação da rede de transporte coletivo na capital, a criação de um plano setorial para minorias, revisão do Plano Diretor municipal, a adoção de políticas ambientais que valorizem os aspectos da cidade e a preservação de territórios tradicionais.

 

Fonte: G1 Maranhão

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *